Da coisa doida de preferir tocar como terapia

Quem ainda não tinha visto das minhas andanças de dedicação à música como terapia ocupacional pode tentar ver alguns dos links de vídeos (amadores, já alertando) onde toco algumas das músicas que curto.

E se por ventura quiserem ver outros:

Canal de Vídeos do Youtube

Até.